A bemyself não é apenas uma marca, define sim uma atitude.

Sede: 
Rua Pascoal de Melo nº3, 1.1
1170-294 Lisboa
Escritório:
Avenida Almirante Reis nº114, 6ºb
1150-014 Lisboa
Email:
geral@bemyself.pt

BEMYSELF

Os 7 Maiores Desperdiçadores de Tempo no Trabalho

Os 7 Maiores Desperdiçadores de Tempo no Trabalho

Todos nós temos o mesmo número (limitado) de horas por dia. Mas já sentiste que estás a fazer coisas, mas não estás a realizar nada que possa ser considerado como “produtivo”?

Se sim, então não estás sozinho. Uma pesquisa recente revelou que 57% dos funcionários disseram que se sentiam menos produtivos e desligados do trabalho.

Talvez o problema não seja o tempo em si, mas o tempo desperdiçado durante o trabalho que estão a matar a tua produtividade.

Se te encontras numa situação semelhante, vamos ajudar-te. Como? Vamos explicar-te o que são estes “tempos desperdiçados” e como soluciona-los.

1. VER OS EMAILS CONSTANTEMENTE

Não é surpresa que os e-mails sejam um dos maiores ‘desperdiçadores’ de tempo. Tu, eu e, de fato, cada um de nós é culpado por fazer isto. Tanto que um funcionário médio vê o seu e-mail 36 vezes por hora.

Solução: Limita o teu tempo de ver emails. Por exemplo, podes separar de 15 a 20 minutos, duas ou três vezes por dia, para ver e responder a eles.

2. ESTAR SEMPRE NAS REDES SOCIAIS

Sem dúvida, as redes sociais são ótimas para conversar com velhos amigos e acompanhar as últimas tendências. No entanto, ao manteres o Facebook ou o Instagram abertos enquanto trabalhas, estás a convidar-te para te distraíres. Isto pode custar-te cerca de 142 minutos por dia.

Solução: Assim como os e-mails, podes escolher um horário específico no qual possas verificar as tuas redes sociais, seja em intervalos ou na hora do almoço.

3. COLEGAS DE TRABALHO RUIDOSOS

Imagina que estás a trabalhar em algo importante e com deadline. No meio da pressão de fazer tudo bem e entregar as coisas as horas, ouves os teus colegas a rir, tirando-te toda a concentração e acabando coma tua linha de raciocínio. Esta situação soa-te familiar?

Solução: Se um colega de trabalho barulhento (ou vários) te impedir de ser produtivo, compra uns headphones que eliminem o ruído (noise cancelling headphones). Se ainda assim persistir, vais ter mesmo que lhes dizer.

4. QUANDO TENTAS FAZER TUDO

Ao contrário da noção geral, o multitasking mata a tua produtividade. Por exemplo, quando respondes a um e-mail enquanto trabalhas numa tarefa, vais demorar mais tempo a concluir as duas coisas do que seria necessário ao fazê-las individualmente.

Solução: Não compliques, faz uma coisa de cada vez. Passa à próxima tarefa apenas quando tiveres concluído a primeira.

5. DIZER SEMPRE QUE “SIM”

A tua incapacidade de dizer “não” pode custar-te mais horas de trabalho e perda de produtividade. Claro, sê uma pessoa útil, mas dá prioridade ao teu trabalho primeiro. Lembra-te sempre, ao dizer “sim” ao ser produtivo, estás a dizer “não” a muitas coisas que são improdutivas.

Solução: Como não é possível agradar a todos, podes ser honesto e dizer que já estás ocupado com trabalho e que, quando estiveres livre voltas a falar com eles.  

6. PROCRASTINAÇÃO

Todos nós somos culpados de ser procrastinadores de alguma forma. Todos nós evitamos fazer algumas tarefas da nossa agenda, por qualquer motivo. Mas nada é pior do que aquela sensação de algo a pairar na tua cabeça o tempo todo. Ao procrastinar, estás a fazer das coisas fáceis, difíceis, e das difíceis, ainda mais difíceis.

Solução: A única forma de vencer a procrastinação é deixar as coisas fluir. David Allen, autor do bestsellerGetting Things Done”, sugere que, se algo levar menos de dois minutos a fazer, o faças isso logo.

7. BRINCAR ÀS REUNIÕES DE 2 EM 2 HORAS

Para quem acredita nos números, só nos Estados Unidos existem 11 milhões de reuniões todos os dias e um terço delas é improdutivo. O problema destas reuniões indesejadas é como podem desperdiçar o tempo e o esforço de tantas pessoas de uma só vez sem realizar nada produtivo.

Solução: Mantém as reuniões específicas e limitadas por tempo. Ou que tal alocar um determinado número de horas por semana para ser gasto em reuniões?

Fonte: ProofHub

 

you dream it. we do it.