A bemyself não é apenas uma marca, define sim uma atitude.

Sede: 
Rua Pascoal de Melo nº3, 1.1
1170-294 Lisboa
Escritório:
Avenida Almirante Reis nº114, 6ºb
1150-014 Lisboa
Email:
geral@bemyself.pt

BEMYSELF

Trabalhar nas férias? Aprende a lidar com isso

Trabalhar Nas Férias? Aprende a Lidar Com Isso

Idealmente, as férias são um momento para desligar, mas o equilíbrio entre trabalho e vida é diferente para todos. Se tens que trabalhar nas férias, esta é a melhor forma de o fazer.

As férias devem ser um tempo longe do trabalho, mas a maioria das pessoas não consegue desligar. Estudos comprovam que mais de 50% das pessoas trabalham durante as férias e mais de 50% dos empregadores esperam que os membros da equipa respondam às mensagens durante este tempo de lazer.

Navegar no equilíbrio trabalho/vida pessoal é diferente para cada um, e a questão de trabalhar ou não nas férias não é preto e branco. Algumas pessoas acham que verificar o email a determinada hora, todos os dias, as ajuda a ficar a par de assuntos gerais e evitar regressar ao trabalho com uma enxurrada de emails e tarefas. Outras aproveitam parte das férias para pensar em grandes questões estratégicas, ler artigos ou livros relacionados com o trabalho ou pensar no seu desenvolvimento profissional.

Ao decidires se deves ou trabalhar nas tuas férias, deves perguntar-te a ti mesmo estas três questões:

Estou a trabalhar em férias porque tenho receio que a minha equipa ou colegas não façam o trabalho bem o suficiente se eu for embora?

Se a resposta for sim, isto é uma bandeira vermelha na microgestão e significa que precisas mudar a forma como geres a tua equipa.

Estou a trabalhar em férias porque o meu chefe ou cliente não me dá espaço para me separar do trabalho?

Se a resposta for sim e trabalhar em férias está a criar stress, então precisas pensar em como renegociar ou mudar as expectativas que o trabalho tem para a tua disponibilidade.

Trabalhar nas férias está a prejudicar a minha capacidade de relaxar, recarregar e passar tempo com as pessoas ou explorar um novo lugar?

Parte do motivo das férias é abrir-nos os olhos para novos lugares, novas pessoas e novas ideias, dando um descanso às nossas mentes e corpos, o que nos permite voltar ao trabalho num estado mais positivo. Se a resposta a esta pergunta for sim, então as férias não valerão a pena, e precisas pensar em mudar o tipo ou a quantidade de trabalho que está a fazer nas férias.

QUE TIPO DE TRABALHO PODES FAZER

Se decidires levar trabalho contigo, é útil saberes que tipo será menos intrusivo. Deves evitar o trabalho que não é urgente ou importante ou qualquer coisa que possa levar-te numa espiral. Esses podem esperar até voltares.

Também é importante reconhecer que as férias não são o oposto do trabalho, mas sim um tipo diferente de trabalho. O cérebro em repouso é realmente muito ativo, e permitires que a tua mente vagueie pode ser, por exemplo, útil para planear o futuro, criatividade e aprendizagem.

QUE TIPO DE TRABALHO NÃO DEVES FAZER

Alguns tipos de trabalho nunca devem ser abordados. Haverá inevitavelmente momentos em que trabalhar durante as férias está alinhado com as nossas metas.

Perguntar se podes trabalhar durante as férias e manter o equilíbrio é semelhante a perguntar se realmente precisas de trocar o óleo do teu carro quando a luz de aviso acende. A curto-prazo, podes economizar tempo ao não parar para manutenção, mas se ficares muito tempo sem o ajuste, não podes esperar que o teu carro dure tanto tempo, nem opere a todo o seu potencial.

As férias são cruciais para o teu bem-estar! Não te esqueças disso.

Fonte: Fast Company

 

you dream it. we do it.